TODA NOVIDADE ME APAVORA

Vou dizer uma coisa a vocês,  se ele promete cumpre, andei lendo o que escreveu ali atrás,  realmente fomos a Estrela, a viagem foi muito suave, agora com minha relação nova, fiquei mais leve, andei sem fazer força e com velocidade maior. Lá paramos em um estacionamento bem próximo ao festival do chucrute, como não saí do local acabei por nao saber o que rolava na festa, mas pelo entusiasmo do pessoal deve ter sido bem divertida, agora o que importa é que fizemos o teste e me sai bem, to feliz como minha nova performance.

Estou pronta para pegar a estrada, desde o mês de maio e junho sofri outros aperfeiçoamentos,  ganhei um sistema de placas solares para recarregar minhas baterias, e uma linha direta do tanque de combustível para alimentar meu gerador, só falta sair e conhecer novos lugares.

Andei pensando no que diz o Oriom em seus momentos de reflexão, de tudo que acontece na vida das pessoas, concordo com ele quando diz – que não são os sonhos que realizamos quando se constrói uma casa, quando se compra um carro e até mesmo quando se sai para viajar, os sonhos não são concretos, vejo claramente que o que de concreto fazemos é maior, faz parte de um plano, um plano que nos é mostrado em pensamentos, se concordamos com ele vamos a luta, vamos ao planejamento, devemos ir em busca de sua realização, só assim seremos felizes, pois o que importa é fazer com que a vida aconteça,  afinal ela é uma só! – Para vocês,  humanos isso é uma verdade, já para mim…..

Há sim, por outro lado eu sonho o tempo todo, tudo pra mim é puro sonho, eu não faço acontecer, espero que alguém faça,  alguém de coração inquieto, que me ponha na estrada, me mostre o mundo, sim eu preciso ser guiada por uma alma nobre. Quero subir montanhas, atravessar desertos,  contemplar cachoeiras, pousar na beira do mar, preciso ouvir a natureza,  sentir cada parte do solo dessa terra, sentir a chuva que cai do céu,  o calor que vem do sol, preciso saber se o pó do nordeste e difere do Sul,  preciso sentir a neve, e tudo , tudo que estiver na estrada, eu sou assim, diferente dele, sou sonhadora.

Que bom, estou sabendo que está perto o dia da saída,  estou sendo abastecida com roupas, sapatos, alimentos, e tudo que o Oriom e a Lílian irão precisar na viagem. As vezes fico um tanto receiosa com inovações, se antes funcionava bem para que mudar? Com o Oriom não tem disso não,  esta a todo momento mudando as coisa aqui por dentro da Casa, por último trocou o inversor,  pensei…- lá vem cagada, putz. ..desculpe o palavriado – mas é isso mesmo, tenho medo que de errado, já o cara não desiste,  ainda bem. Acho que saímos ainda essa semana, no máximo a próxima,  com a grande novidade, um terceiro integrante vai junto, não sei se gosto da idéia, vamos ver, por enquanto preferia que fossem só os dois.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Qual resultado *